terça-feira, 2 de abril de 2013

há coisas que absolutamente me tiram do sério

os blogs mais idiotas estão cheios de comentários pirosos. o post mais sem sabor e básico é o que recebe comentários igualmente sem sabor: "concordo" "pois é" "é bem verdade" "coraçõezinhos" "lol". uma casa dos segredos enche as audiências de felicidade, as novelas da noite são conversas entre pessoas improváveis, livros de merda andam debaixo do braço de pessoas que não têm um único livro em casa e "que bom, pelo menos lêem". os bons artistas, os bons escritores, os bons espectáculos e os bons blogs precisam de trilhar um de dois caminhos - ou o mais digno e que não envergonha ninguém que é armar-se apenas da qualidade e é um caminho espinhoso e inglório. o outro eu nem vou referir porque como devem ter percebido não estou muito bem disposta e só de me lembrar de alguns desses "caminhos" fico desvairada.
isto para dizer que a preguiça e o desalento tornam-nos estúpidos e quanto mais estúpidos somos mais estúpidos vamos querer ser porque deixamos de querer ser mais - e tornamo-nos, sem qualquer dúvida, mais infelizes. já aqui escrevi sobre isto num dia diferente, com um texto muito pensado. hoje digo-vos que se não puserem as cabecinhas a trabalhar ao mesmo tempo que o coração vão acabar vazios e infelizes - porque a vida meus caros, prega sempre rasteiras a quem acha que pode bem viver sem um deles os dois.

Sem comentários:

Enviar um comentário